#NossaRiqueza – Pedra Fundamental

pedrafodamental

A Pedra fundamental de Planaltina, é sem dúvida um dos pontos mais curiosos, não só do DF, como de todo o Brasil. O motivo? Ela está localizada simplesmente no centro do país, na mesma distância do Oiapoque e do Chuí.

Além da questão geográfica, a pedra em formato de um obelisco com base quadrangular, foi instituída nada menos que no dia 7 de setembro de 1922, às 12h, em homenagem ao centenário da independência do Brasil. Sua construção, pegou mal na antiga capital, Rio de Janeiro, uma vez que na época, já planejava-se transformar em capital, o atual Distrito Federal.

Cada face do da base do monumento, aponta para um ponto cardeal, tendo no ponto oeste uma placa comemorativa, escrito: “Sendo Presidente da República o Excelentíssimo Senhor Dr. Epitácio da Silva Pessoa, em cumprimento ao disposto no decreto n.º 4.494 de 18 de janeiro de 1922, foi aqui colocada em 07 de setembro de 1922 ao meio-dia, a Pedra Fundamental da Futura Capital dos Estados Unidos do Brasil”.

Outra curiosidade, foi a velocidade com a qual o monumento foi construído. Como o decreto que permitia a instauração, só foi assinado onze dias (27 de agosto) antes da Independência do Brasil, foi feita uma verdadeira corrida contra o tempo para que a Pedra fosse colocada no local que hoje está. Felizmente, a decisão dos encarregados foi rápida e já no dia 31 de agosto, as pedras artificiais utilizadas ficaram prontas e só precisou de alguns ajustes e organizar o evento para o dia 7 de setembro.

Os moradores de Planaltina, também dão muito valor ao monumento e destacam a sua importância histórica e as manifestações culturais que lá acontecem. Durante as entrevistas para o #SouDaqui, os entrevistados sempre falam sobre os monumentos e a história da cidade e a Pedra Fundamental sempre é lembrada. “Já ouvi pessoas que ousaram dizer que Planaltina não tem cultura! Dizem isso apenas porque não tiveram a honra que conhecer as manifestações de fé da Festa do Divino ou da encenação da Via Sacra. Que não visitaram a igrejinha, o museu ou a pedra fundamental”, Lorena Rodrigues em entrevista no #SouDaqui

A Pedra está localizada no Morro do Centenário, onde também fica localizada a Igreja de São Sebastião, conhecida como “Igrejinha”, que possui mais de 200 anos e é mais um dos lindos e históricos monumentos da cidade de Planaltina, que é a mais antiga do DF.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *